POEMAS, PÉTALAS E VENTOS!
TENHO SÉRIOS POEMAS NA CABEÇA (Autor: Pedro Salomão)
Capa Textos Áudios Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato
Textos
INSEPARÁVEL SOLIDÃO.

Exagerada companheira és tu algoz de minha pretensão.
Junges-te a mim amásia de minha alma instigas-me a calma, amarga
solidão.

Onde quer que eu vá atormentada amiga, estás comigo.
És meu axioma, e meu castigo, pois onde quer que eu chegue; onipresente
solidão.

Olhando o negror do céu, és tu presença certa.
Se tiro o manto de tua inquisição já não me pasmo  pela descoberta; lá estás tu, inconcussa
solidão.

Estás nos mais inóspitos lugares, na lua no sol nos mares.
Se vôo nas asas do pensamento és o meu rebento meu infligir, e até mesmo parte de mim; és
solidão.

Hoje sou parte de ti, e tu nunca partes de mim, és minha devoção.Se amalgamado estamos por fim e não há como fugir de ti...Morramos ambos ensimesmados, perpétua
solidão.
Jeovan Rangel
Enviado por Jeovan Rangel em 03/09/2020
Alterado em 05/09/2020
Comentários